Como é que as novas variantes alteraram a meta da imunidade de grupo?

22 jul, 2021 - 11:35 • Joana Bourgard , Joana Gonçalves

70% de portugueses imunizados já não são suficientes para interromper totalmente a circulação do vírus em Portugal. A célebre meta esticou e as variantes Alpha e Delta, com origem no Reino Unido e na Índia, são as responsáveis pela subida do valor percentual da população que tem que ser vacinada para atingirmos a imunidade de grupo.

RSS iTunes URL Embed E-mail Facebook Twitter Whatsup Comentários
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.