Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Mais de 900 civis mortos e 3,5 milhões de refugiados na guerra na Ucrânia

21 mar, 2022 - 15:11 • Ricardo Vieira, com redação

O Presidente ucraniano voltou esta segunda-feira a apelar à inclusão do país na União Europeia.

A+ / A-

Veja também:


Pelo menos 925 civis morreram e cerca de 1.500 ficaram feridos na Ucrânia desde o início da invasão das forças armadas da Rússia.

É a mais recente atualização avançada pela agência dos Direitos Humanos das Nações Unidas, mas os números poderão ser bem maiores.

As Nações Unidas dizem que, apesar da monitorização constante na Ucrânia, a organização não conseguiu receber ou verificar os vários relatórios vindos das cidades mais atingidas, como é o caso de Mariupol, no sudeste do país.

O número de cidadãos ucranianos que fugiram do país devido à invasão russa alcançou os 3,48 milhões, segundo dados também divulgados hoje pelo Alto Comissariado da ONU para Refugiados (ACNUR), referindo que a maioria são mulheres, crianças e idosos.

Oito mortos em bombardeamento do maior centro comercial de Kiev
Oito mortos em bombardeamento do maior centro comercial de Kiev

No domingo, esta agência da ONU dava conta de 3.389.044 refugiados ucranianos e acrescentava ter ainda registado mais de 6,6 milhões de deslocados internos.

Segundo o ACNUR, a Polónia recebeu mais de dois milhões desses refugiados, enquanto centenas de milhares deixaram a Ucrânia para os países vizinhos Hungria, Eslováquia, Moldova, Roménia, Rússia e, em menor escala, para a Bielorrússia.

O Presidente ucraniano voltou esta segunda-feira a apelar à inclusão do país na União Europeia. Num vídeo publicado no Facebook, Volodymyr Zelensky recorda as vítimas das explosões provocadas pelas tropas russas e volta a pedir à Alemanha, que faça pressão junto da UE.

"Vocês veem o nosso desejo de estar com a Europa, a nossa busca, fazêmo-la no campo de batalha. E a vossa, podem apenas fazer na vossa sociedade”, declarou Zelensky.

“Na minha opinião, é fazer pressão sobre os políticos para que a Ucrânia finalmente se torne parte da União Europeia. Alemães, vocês têm essa força!", apelou o Presidente ucraniano.

Um comediante num bunker ucraniano. “As pessoas precisam do humor para digerirem o que está a acontecer”
Um comediante num bunker ucraniano. “As pessoas precisam do humor para digerirem o que está a acontecer”
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+