Tempo
|
A+ / A-

Padre de Viseu suspeito de enviar mensagens sexuais a menor

13 out, 2021 - 09:02 • Fátima Casanova , Filipe d'Avillez

O padre em questão tem 46 anos e encontra-se suspenso de todas as atividades que desempenhava na diocese.

A+ / A-

Um padre da diocese de Viseu está suspenso de todas as funções e sob investigação por alegadamente ter enviado mensagens de teor sexual a um menor de idade.

À Renascença a diocese garante estar a colaborar com as investigações e a acompanhar o caso. A Comissão Diocesana de Proteção de Menores e Adultos Vulneráveis da diocese de Viseu, que foi instituída em fevereiro de 2020, também está a par da situação.

O padre em questão tem 46 anos e encontra-se suspenso de todas as atividades que desempenhava na diocese. Antes ainda de ser suspenso preventivamente por D. António Luciano o sacerdote pediu para ser afastado da vida ativa, embora numa mensagem publicada há pouco tempo na sua conta pessoal do Facebook tenha atribuído a decisão ao desgaste físico e emocional.

"Doente, cansado, com imensos outros trabalhos, com problemas pessoais motivados por venenos e conjuras, pedi ao Senhor Bispo de Viseu, e obtive, um período de descanso", escreve o sacerdote.

O alerta foi dada por familiares do pai de um menor de idade que terá recebido mensagens de teor sexual enviada pelo padre, segundo o advogado Luís Manuel Coimbra Pereira, da Comissão Diocesana de Protgeção de Menores e Adultos Vulneráveis.

Este caso surge numa altura em que o tema voltou a estar na ordem do dia, na sequência da apresentação em França de um relatório que indica, com base em sondagens e estimativas, que poderão ter existido até 330 mil vítimas de abuso sexual em contexto eclesial.

O assunto dos abusos sexuais de menores foi abordado na reunião dos bispos portugueses, em Fátima, tendo sido anunciada a criação de um grupo para acompanhar os casos a nível nacional, composto por representantes das comissões que já existem em todas as dioceses portuguesas.


[notícia atualizada às 11h00]

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+