Tempo
|
A+ / A-

I Liga

Belenenses SAD tem 10 jogadores recuperados da Covid-19

08 dez, 2021 - 18:28 • Redação

Preparação para o jogo com o Estoril, adiado por um dia, está "em marcha", mas há preocupação com o risco de lesões e possíveis sequelas da nova variante do vírus, Ómicron.

A+ / A-

O Belenenses SAD anunciou, esta quarta-feira, que 14 dos 79 elementos infetados com Covid-19 estão recuperados, entre eles dez jogadores.

"Foram dados como clinicamente curados da infeção por SARS-CoV2 os primeiros dez jogadores, dois treinadores, um médico e um elemento de staff. Embora a Belenenses SAD ainda esteja em pleno surto de Covid-19, trata-se de um primeiro passo de um processo que, na melhor das hipóteses, levará mais de um mês a ser completamente ultrapassado nas suas várias dimensões", anunciou o clube, em comunicado.

O Belenenses SAD salienta que o passar do tempo e o regresso progressivo a treinos mais intensivos, "que agora não podem ser ministrados", são a "chave para o regresso à normalidade competitiva".

Ainda assim, a preparação do jogo com o Estoril está "em marcha, pese embora as diversas limitações" que continuam a condicionar os azuis. O Belenenses SAD ressalva que, "face à fragilidade do contexto", ainda não consegue "avaliar com todo o rigor e certeza o que acontecerá ao longo dos próximos dias" e que consequências daí poderão advir.

Na segunda-feira, o Belenenses SAD-Estoril, da jornada 14 da I Liga, foi adiado por um dia: passou de 11 para 12 de dezembro, às 15h30.

Reduzir "ao máximo" risco de lesão nos atletas


Na quinta-feira, será realizada uma nova ronda de testes à Covid-19.

Neste momento, o principal foco da equipa técnica é "reduzir ao máximo o risco de lesão" dos jogadores que regressam, agora, aos treinos. O Belenenses SAD também mostra preocupação com potenciais "dúvidas relacionadas com a nova variante" do coronavírus, Ómicron:

"A incerteza (...) quanto à gravidade das possíveis consequências na saúde dos envolvidos, atletas e não atletas, levou o departamento médico a uma vigilância ainda mais apertada do que seria expectável; vigilância que se manterá até ao momento em que a Direção Geral de Saúde der oficialmente como resolvido e terminado o surto de Covid-19."

O Belenenses SAD está em isolamento total até ao dia 10 de dezembro. No dia 11, há jogo agendado frente ao Estoril. Na passada sexta-feira, a Liga de Clubes adiou o jogo do passado fim de semana com o Vizela para 2 de janeiro, uma data contestada pela SAD do clube minhoto.

O que aconteceu no Belenenses SAD-Benfica?


No dia 27 de novembro, o Belenenses SAD entrou em campo com apenas nove jogadores, dois deles guarda-redes, disponíveis para defrontar o Benfica, devido ao surto de Covid-19 que atingiu o plantel. O encontro foi suspenso no início da segunda parte, aos 48 minutos, depois de João Monteiro ter alegado lesão, deixando os azuis sem o número mínimo de futebolistas legalmente exigido para o desenrolar de um jogo (sete).

Na segunda-feira, o Belenenses SAD pediu a repetição do jogo com o Benfica, baseando-se no art. 45.º, n.º 4 do Regulamento de Competições, segundo o qual "quando o jogo tiver sido dado por findo pelo árbitro antes do termo do seu tempo regulamentar, o resultado que o mesmo registe não será homologado, sendo designado novo jogo pela Liga Portugal, salvo nos casos expressamente previstos nos regulamentos".

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol instaurou um processo disciplinar com "natureza urgente" ao Belenenses SAD, devido à insuficiência de jogadores que levou ao fim antecipado do jogo com o Benfica, de acordo com comunicado do organismo.

[notícia corrigida às 19h35 - são 14 recuperados e não 12]

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+