Tempo
|
A+ / A-

No PSG é defesa, mas na seleção Danilo é médio

05 nov, 2020 - 13:31 • Redação

Fernando Santos lamenta ausência de Pepe, devido a lesão, e dá os parabéns ao jogador pela renovação pelo FC Porto. Momento de Diogo Jota no Liverpool não surpreende o selecionador.

A+ / A-

Fernando Santos respeita a ideia do treinador do Paris Saint-Germain, Thomas Tuchel, mas não concorda que Danilo seja mais defesa do que médio.

O internacional português, emprestado pelo FC Porto, tem jogador a central no PSG. A decisão de Tuchel tem sido muito debatida em França e chega agora à mesa de Fernando Santos.

"Com enorme respeito pelo treinador do PSG, para mim o Danilo é medio. Pontualmente, pode jogar a central, até o William o pode fazer. Mas, na minha opinião, e eu respeito a dele, o Danilo é médio. Na seleção vai continuar a ser médio", garante, na conferência de imprensa em que anunciou a convocatória para os jogos com Andorra, França e Suécia.

Satisfação pela renovação de Pepe

Uma das ausências é Pepe, lesionado. O central renovou contrato com o FC Porto, por mais duas épocas, e recebe os parabéns do selecionador.

"Não tinha dúvidas que ele tem condições para continuar a jogar. Fico muito satisfeito por ele, porque acho que merece. Pela enorme qualidade que tem, mas também pela entrega que põe em tudo o que faz. É um exemplo para os mais novos", destaca

Aos 37 anos, Pepe é titular da seleção portuguesa, um jogador a quem Fernando Santos reconhece muita importância, mas o treinador tem a certeza que quem jogar no seu lugar "poderá responder à altura".

Diogo Jota não surpreende

Em evidência tem estado Diogo Jota no Liverpool. Uma afirmação que surpreende o selecionador. "Ele tem percurso nas seleções nacional, por isso já há muito tempo que estamos atentos. Surpreendeu-me, sim, quando estava no Paços de Ferreira", anota.

Sem confirmar se vai apostar no avançado como titular, Fernando Santos garante, apenas, que jogará com três avançados. Um deles, nos jogos com França e Croácia, deverá ser Cristiano Ronaldo, recuperado de Covid-19, com quem o treinador conversou durante o período de isolamento, "por questões de saúde".

Portugal joga a 11 de novembro um particular com Andorra, no Estádio da Luz, onde também recebe a França no dia 14, a contar para a Liga das Nações. Fecha a participação na competição na Croácia a 17 de novembro.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+