Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

Legislativas 2024

Paulo Raimundo: "1,9% de aumento de salário é gozar com quem trabalha" na Autoeuropa

27 fev, 2024 - 22:42 • Cristina Nascimento

Líder do PCP alerta os portugueses para as promessas do PSD de que não vai cortar pensões.

A+ / A-
Paulo Raimundo: "1,9% de aumento de salário é gozar com quem trabalha"
Ouça a reportagem da jornalista Cristina Nascimento.

Veja também:


O secretário-geral do PCP criticou esta terça-feira o aumento salarial de 1,9% proposto pela Autoeuropa aos trabalhadores da fábrica de Palmela.

"É gozar com quem trabalho", afirmou Paulo Raimundo, perante algumas centenas de militantes da CDU, num jantar realizado na Sociedade Filarmónica União Artística Piedense, no concelho de Almada.

Rumo às eleições legislativas de 10 de março, o cabeça de lista da coligação CDU criticou ainda os lucros da banca, sugerindo que esse dinheiro deveria servir para ajudar as famílias com dificuldades para pagar o crédito à habitação.

O líder do PSD, Luís Montenegro, fez uma "promessa de honra" e garantiu que se demite se tiver que contar nas pensões. Paulo Raimundo considera que "quando mais prometem e juram que não vão cortar, mas rapidamente lhes foge a boca para os tempos da troika".

Ouça a reportagem da jornalista Cristina Nascimento.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+