Raquel Abecasis

Estupidez

28 mai, 2012 • Raquel Abecasis

Declarações de Christine Lagarde sobre a Grécia fazem-nos dar vontade de perguntar porque não vai a senhora para a sua casinha de Paris coser meias.
Estupidez
Daqui a uns anos, quando se fizer a História da crise que o mundo atravessa neste momento, alguns nomes vão ficar marcados pelo oportunismo com que geriram as suas carreiras pessoais e pela irresponsabilidade com que desempenharam as suas carreiras internacionais.

A actual chefe do FMI, Christine Lagarde, fará, seguramente, parte dessa lista e as declarações que fez sobre a Grécia, este fim-de-semana, serão uma das nódoas negra do seu desempenho.

Dizer, numa altura destas, que está na hora de os gregos começarem a pagar impostos e que está mais preocupada com as crianças africanas do que com as gregas, é tão estúpido que dá vontade de perguntar à senhora porque não vai antes para a sua casinha de Paris coser meias.

A verdade é que, com europeus destes a desempenharem cargos internacionais, mais vale mandar vir os americanos, chineses, indianos ou africanos. Seguramente, farão melhor ao mundo do que estes exemplares do Velho Continente.

[artigo corrigido às 16h21]