Tempo
|

Évora

Câmaras podem converter iluminações em ajuda a famílias carenciadas

22 nov, 2011 • Rosário Silva

Até agora só três concelhos aderiram, mas comerciantes confiam que a campanha terá mais adesão até ao final do mês.  

A Associação Comercial do Distrito de Évora propõe às Câmaras Municipais trocar as luzes de Natal por ajuda aos mais carenciados. É este o mote da campanha de Natal solidária denominada “Évora Distrito Mágico”.

O objectivo é que os municípios disponibilizem parte da verba destinada à iluminação de Natal. O dinheiro será convertido em vales e entregue posteriormente a famílias necessitadas que os devem trocar no comércio tradicional.

O desafio foi lançado às 14 câmaras municipais que compõem o distrito de Évora, explica Mariana Calado, a secretária-geral da Associação Comercial.

“O que solicitámos foi às câmaras do distrito que, em vez de gastarem dinheiro nas iluminações de Natal, canalizassem esse dinheiro para ser entregue a famílias carenciadas, na forma de vales. As famílias podem então descontar esses vales no comércio do seu concelho. Estamos assim a ajudar as famílias a ter um Natal melhor, e por outro lado a ajudar o comércio”, explica.

O dinheiro que se poupa na iluminação é convertido em vales e entregues a famílias carenciadas que estejam referenciadas pelos municípios aderentes, num total de 50 euros por agregado familiar.

Por agora, apenas três municípios mostraram interesse em participar, mas a Associação Comercial acredita que até ao final do mês a campanha terá maior adesão.