Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

I Liga

Adiar jogo com o Estoril? Sérgio Conceição aponta para os regulamentos

07 jan, 2022 - 12:14 • Redação

Treinador do FC Porto diz nada teve a ver com a recusa do adiamento do jogo de sábado, mas recorda que regulamentos foram alterados recentemente e que FC Porto "se calhar tem mais baixas do que o Estoril".

A+ / A-

Sérgio Conceição não fez parte da decisão e remete para os regulamentos recentemente alterados da Liga de Clubes, quando questionado sobre o pedido de adiamento do jogo por parte do Estoril, rejeitado pelo FC Porto.

O treinador do Porto diz que não esteve envolvido na decisão de recusar o pedido, recorda os regulamentos da prova e diz que a sua equipa até poderá ter mais baixas do que o Estoril.

"Sou treinador, não decido nada disso. Temos de respeitar os regulamentos, houve uma reunião, os clubes estiveram todos e ficou acordado um limite 13 jogadores. Os regulamentos são para respeitar. Também temos muitas baixas, se calhar temos mais baixas que o Estoril. Estamos aqui para respeitar os regulamentos, vamos a jogo. Se gostava de defrontar as duas equipas na máxima força? Claro que sim", começou por dizer.

O clube canarinho conta com mais de 30 casos de infeção na estrutura toda. O Porto não conta com Zaidu e Nanú, na CAN, e os lesionados Pepe, Marcano, Manafá e João Mário. Sérgio Conceição diz que Porto "terá de justificar a vitória".

"Temos de ganhar o jogo e temos de justificar essa vitória. Não podemos esquecer que o FC Porto também não está na máxima força. Os sub-23 do Estoril ganharam a Liga Revelação, estamos atentos, observei um ou dois jogos para precaver um ou outro elemento que pode entrar na equipa. As vitórias, se acontecem, são sempre merecidas", diz.

O treinador deixa ainda elogios à equipa de Bruno Pinheiro: "Só tem três derrotas, é uma equipa muito bem trabalhada, não sofre muitos golos. Espera-nos um jogo difícil, não sabemos que jogadores vão entrar no nosso jogo. Estamos focados na nossa equipa, nas nossas dinâmicas para vencermos o jogo".

Sem medo de facilitismo

Depois de duas vitórias convincentes frente ao Benfica, Sérgio Conceição acredita que não haverá facilitismo por excesso de confiança.

"Espero que não. O que me demonstraram nos treinos foi que não mudou nada. Foram duas vitórias, não ganhamos nada. Podem ser importantes para chegarmos ao fim e ganharmos esses dois títulos, mas as vitórias fazem parte do percurso", explica.

Sem João Mário, Manafá e Nanú, Conceição assume que Jesús Corona é uma possibilidade forte para ser o lateral-direito.

"Tem trabalhado de forma normal, não começou a época como as anteriores. É um jogador que se empenha nos treinos, conhece posição de lateral-direito. Já o fez várias vezes e com resultados muito positivos. Estamos com dificuldade a nível de laterais, o João Mário também não era lateral e foi trabalhado. Trabalhamos para arranjar soluções", atira.

Sérgio Conceição está perto de cumprir 10 anos de carreira e fez o balanço "positivo, não extraordinario". "Acho que deveria ter ganho mais. Faz parte da minha exigencia. Foi muito difícil, estou a meio do percurso, cada dia é um dia novo para ser melhor", termina

O FC Porto lidera a I Liga com os mesmos 44 pontos do que o Sporting. Benfica é terceiro, com menos sete, 37 somados.

Os dragões jogam em casa do Estoril neste sábado, às 18h00, jogo com relato na Renascença e acompanhamento, ao minuto, em rr.sapo.pt.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+