Tempo
|
Euranet
Decidir Europa
Todas as semanas, um convidado especial fala sobre os grandes temas da Europa e do mundo no programa "Decidir Europa", com edição do jornalista José Bastos.
A+ / A-
Arquivo
Decidir Europa - Gonçalo Lobo Xavier e a distribuição - 05/02/2021
Decidir Europa - Gonçalo Lobo Xavier e a distribuição - 05/02/2021

Decidir Europa

Gonçalo Lobo Xavier e a distribuição

05 fev, 2021 • Pedro Mesquita


O diretor-geral da APED - a Associação Portuguesa das Empresas de Distribuição - analisa um setor vital em ano de pandemia.

O comércio de retalho é classificado pela Eurocommerce como um ecossistema essencial, para todos os europeus, durante esta pandemia.

O setor tem garantido aos portugueses alguns dos bens essenciais para se manterem em casa nos já dois períodos de confinamento.

Com maior, ou menor, disponibilidade de horários, consoante as regras do estado de emergência, tem sido um setor absolutamente vital, no decurso deste já longo ano de exceção, que obrigou a uma capacidade de adaptação à segurança sanitária, mas também na importante logística para garantir à população que não haveria uma rutura de stocks.

Este setor teve, também de acelerar a oferta online de produtos, com a procura a multiplicar por oito, logo em abril.

Gonçalo Lobo Xavier, que é membro também membro do CESE - o Comité Económico e Social Europeu em representação da CIP - faz uma radiografia da distribuição em Portugal, neste ano de exceção.

Este conteúdo é feito no âmbito da parceria Renascença/Euranet Plus – Rede Europeia de Rádios. Veja todos os conteúdos Renascença/Euranet Plus

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.