Reportagem na Ucrânia

“Para o diálogo há sempre tempo”, diz enviado pessoal do Papa à Ucrânia

10 mar, 2022 - 07:40 • José Pedro Frazão , Joana Gonçalves (edição)

O cardeal Konrad Krajewski encontrou-se, esta quarta-feira, em Lviv, com dois arcebispos da Igreja Católica. “ O Papa reza para que a paz venha até nós, para que as pessoas não tenham que abandonar as suas casas e para que possam regressar aos lugares onde pertencem”, conta à Renascença o enviado pessoal do Papa Francisco à Ucrânia. Krajewski diz que tentará visitar Kiev e apela a todos os portugueses “que ofereçam a sua oração, jejum e esmola”.

RSS iTunes URL Embed E-mail Facebook Twitter Whatsup Comentários
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.