​Exclusivo Renascença. "Lviv é um enorme centro humanitário na guerra"

09 mar, 2022 - 17:01 • José Pedro Frazão

A cidade de Lviv está perto de atingir os 300 mil deslocados em consequência da invasão russa. Em entrevista exclusiva à Renascença, o presidente da Câmara de Lviv, Andrij Sadovyi, que é também o representante de todos os autarcas, garante que todos os ucranianos em fuga “terão ajuda” e classifica a situação em várias zonas no país como “muito, muito má”.

RSS iTunes URL Embed E-mail Facebook Twitter Whatsup Comentários

Renascença na Ucrânia

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.