HORA DA VERDADE

"A política não é um jogo de futebol", diz Mariana Vieira da Silva em reação a resultados de Medina

14 out, 2021 - 06:45 • Eunice Lourenço (Renascença) e Liliana Borges (Público)

"Foi uma quinzena difícil", confessa a ministra de Estado e da Presidência, em referência ao período durante o qual desempenhou o papel de primeira-ministra em funções. "É para mim claríssimo que o presente e o futuro do país e do PS é António Costa", defende. Em reação aos resultados do PS em Lisboa, nas últimas autárquicas, Mariana Vieira da Silva recusa a ideia de que o futuro polício de Fernando Medina tenha sido comprometido.

RSS iTunes URL Embed E-mail Facebook Twitter Whatsup Comentários
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.