Hora da Verdade com António Saraiva

05 out, 2022 - 07:03

Nesta entrevista fala das negociações com o Governo sobre o acordo de competitividade e rendimentos, que prevê aumentos de 4,8% dos salários por ano, até alcançar os 20% de aumento, admitindo um desfecho positivo. Já sobre a Concertação Social, o presidente da CIP diz ser possível uma redução transversal da taxa de IRC para os 19%, como contrapartida para que as empresas aumentem salários.

RSS URL Embed E-mail Facebook Twitter Whatsup Comentários

Renascença na Ucrânia

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.