Debate da Rádio

Cotrim defende legitimidade de maioria de direita. “Não há saco para arrogância intelectual da esquerda”

20 jan, 2022 - 13:46 • Sofia Freitas Moreira

O presidente da Iniciativa Liberal acusa o líder do Livre de falar em maiorias mais legítimas do que outras e de desrespeito intelectual. "Existe uma diferença entre acreditar na igualdade de todos os cidadãos, ou achar que deve haver segregação étnica, como diz o líder da extrema-direita", respondeu, por sua vez, Tavares. De recordar que a direita esteve sub representada no Debate da Rádio, esta quinta-feira, com as ausências de Rui Rio e André Ventura.

RSS iTunes URL Embed E-mail Facebook Twitter Whatsup Comentários
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • José Joaquim Cruz Pinto
    21 jan, 2022 ILHAVO 08:53
    Vamos lá ver se a CENSURA afinal ainda perdura: Para o que já não há "saco" é para a idiotia hiperliberal de quem pensa que o objectivo da vida em sociedade é a satisfação de todo e qualquer interesse particular, por mais ilegítimo que seja. Chega assim?
  • a souza souza
    20 jan, 2022 vila pouca de aguiar 15:38
    Tem toda a razão. Mas há na impressa uma elite "esquerdalha-fascista" que para manter o tacho tem de arranjar bodes espiatórios ... não sou do CH nem gosto de AV, mas também não gosto do BE PAN CDU e VERDES!!