Vídeo que denuncia negócios ilegais com a Rússia leva à queda do vice-chanceler da Áustria

20 mai, 2019 - 16:24

A poucos dias das eleições europeias, o número dois do governo austríaco, Heinz-Christian Strache, demitiu-se na sequência de um vídeo onde aparece a oferecer contratos públicos inflacionados a uma suposta milionária russa a troco de financiamento ao FPÖ, o seu partido de extrema-direita
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.