Egipto. “Não há nenhum país do mundo 100% a salvo destes ataques”

29 dez, 2018 - 12:55 • Imagem: Reuters

Em resposta ao atentado contra um autocarro de turistas que fez 4 mortos, esta sexta-feira, no Cairo, Mostafa Madbouly, primeiro ministro do Egipto, garante que nenhum país está “100% a salvo” de ataques do mesmo género. Para além das 4 vítimas mortais, há ainda registo de 10 feridos.
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.