Acordo entre Coreias "tem um cheque por detrás", defende Seixas da Costa

03 mai, 2018 - 18:16 • José Pedro Frazão , Inês Rocha

Diplomata português salienta a importância do encontro "simbólico" entre os líderes da Coreia do Norte e do Sul, apesar de ver alguma encenação no acontecimento. E não duvida que as negociações com a Coreia do Norte tenham um "cheque" por detrás.
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.