A+ / A-

De V. S. Naipaul a Bolaño, da Bíblia a Rentes de Carvalho. A "rentrée" editorial passa por aqui

01 set, 2016 - 19:31 • Maria João Costa

Grupo Bertrand Círculo vai trazer 80 novos títulos às livrarias nacionais até ao final do ano. As novidades incluem uma nova tradução da Bíblia e uma colecção de entrevistas à artista Paulo Rego.

A+ / A-

O Prémio Nobel da Literatura V. S. Naipaul estará a Portugal a 22 de Setembro para participar na segunda edição do Festival Fólio em Óbidos. Antes disso, chega às livrarias portuguesas uma nova edição do escritor, “Num Estado Livre”, que terá a chancela da Quetzal. É a obra com que o indiano, que venceu em 1971 o Booker Prize, relata uma história passada em África com dois protagonistas ingleses.

Outra das novidades anunciadas pelo Grupo Bertrand Círculo para os próximos meses será a publicação da Bíblia com uma tradução, a partir do grego, feita pelo escritor Frederico Lourenço. Este “projecto louco” como lhe chamou o editor da Quetzal, Francisco José Viegas, será apresentado também a 22 de Setembro no Centro Cultural de Belém e compreende a publicação da obra completa até 2019.

Até ao final do ano, a Quetzal vai ainda publicar o segundo romance do ex-ministro da Justiça Álvaro Laborinho Lúcio, “O Homem que Escrevia Azulejos”. Há mais: “A Ira de Deus sobre a Europa”, de José Rentes de Carvalho, e, mais para o início do ano, um inédito de Roberto Bolaño. “O Espírito da Ficção Científica” vai ser lançado em língua espanhola a 15 de Novembro e, apesar de estar a ser trabalhada já a sua tradução para português, este inédito do autor de “2666” só sairá em Março de 2017.

Outra das novidades que vai chegar às livrarias até ao final do ano será “Paula Rego por Paula Rego” que reúne cinco entrevistas, uma das quais inédita, feitas à artista pela jornalista Anabela Mota Ribeiro. O prefácio será de João Fernandes, ex-director do Museu de Serralves.

A Quetzal vai continuar apostada em publicar a obra de Padre António Vieira, agora com “Sermões do Advento”.

Já a Círculo de Leitores aposta na obra de Camilo Castelo Branco e vai editar “Camiliana” um volume que reúne todos os contos, novelas curtas, romances breves, cartas e textos jornalísticos do escritor. A organização e notas são de José Viale Moutinho.

O Grupo Bertrand Círculo anunciou ainda o lançamento de uma nova chancela, a Contraponto, que terá a direcção editorial de Francisco José Viegas e edição de Rui Couceiro. Será uma marca dedicada à não-ficção e ainda este mês lançará "Contas-Poupança", do jornalista da SIC Pedro Andersson.

Para o mês de Outubro estão anunciadas uma biografia do ex-primeiro-ministro Mota Pinto, assinada por João Pedro George, e o livro "Os Nossos Bancos. O que os Banqueiros Fizeram ao Nosso Dinheiro", da jornalista Helena Garrido, ex-directora do "Jornal de Negócios". Ainda na senda económica, a Bertrand anuncia para 23 de Setembro a publicação do livro “O Euro”, do Nobel da Economia Joseph Stiglitz.

Outra das novidades que chega ao mercado com a chancela da Pergaminho é o novo romance do brasileiro Paulo Coelho. “A Espiã” é um livro sobre a vida de Mata Hari que revela dados de documentos dos serviços secretos britânicos e holandeses.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+