Tempo
|
A+ / A-

Dia Mundial dos Refugiados com atividades em Lisboa, Porto e Seixal

14 jun, 2022 - 18:00 • Ana Lisboa

“Acolher, Refugiar - Uma Semana Dedicada aos Recomeços” é o mote desta iniciativa dedicada aos refugiados, que decorre de 20 a 24 de junho.

A+ / A-

O Serviço Jesuíta aos Refugiados (JRS) e a Plataforma de Apoio aos Refugiados (PAR) juntam-se para celebrar uma semana de atividades em Lisboa, Porto e Seixal. O propósito é comemorar o Dia Mundial dos Refugiados que se assinala a 20 de junho.

Por isso, esta semana tem como objetivo "celebrar as vitórias de todos aqueles que tivemos a alegria de acolher, sejam eles todos os novos alunos de português, novos currículos, crianças na escola, novos lares e casas por todo o país. A integração é uma maratona e todas as conquistas devem ser celebradas!”, sublinha o diretor do Serviço Jesuíta aos Refugiados e coordenador da Plataforma de Apoio aos Refugiados.

Segundo André Costa Jorge, “todos os dias ouvimos histórias de quem procura recomeçar num país seguro, num país pleno de direitos, de quem em Portugal encontrou a hospitalidade necessária para esse recomeço".

O responsável acrescenta que "infelizmente, vivemos num mundo onde continuamos a lutar contra a exclusão e, nesta semana, apelamos à solidariedade, à inclusão e à integração. Em dias como este, queremos celebrar a hospitalidade da sociedade civil e mostrar como o constante apoio dos nossos parceiros é fundamental para que todos aqueles que chegam se sintam em casa".

Atividades entre 20 e 24 de junho

As celebrações abrem com "um concerto solidário, a ter lugar na Fábrica do Braço de Prata, a partir das 21h00, que contará com as atuações de Maria João, Daniel Rolim, Julio Brechó, entre outros artistas solidários com a causa", refere um comunicado da JRS.

O valor angariado "através de donativos realizados no local, reverterá totalmente a favor da missão do JRS e da PAR".

Para além deste momento, o primeiro dia das celebrações "será também palco da apresentação do 1º episódio do Podcast "Histórias da Nossa Terra", que relata histórias de vida de alguns refugiados e as dificuldades por que passaram até encontrarem um novo lar em Portugal".

Durante esta semana, haverá ainda "um torneio de futebol para refugiados com o apoio da Fundação Benfica, da Cruz Vermelha e do Seixal 1925, um jogo de matraquilhos humanos, passando por conferências e palestras".

Para conhecer o programa completo, pode consultar o site: https://www.refugiados.pt/acolher-e-refugiar/

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+