A+ / A-

​Lourenço Pinto: “Idade de Pinto da Costa não é problema”

23 set, 2019 - 12:45 • Pedro Azevedo

Atual presidente do FC Porto recandidata-se até 2024. Pinto da Costa completa 82 anos em Dezembro

A+ / A-

A recandidatura de Pinto da Costa para o 15º mandato consecutivo na presidência do FC Porto é apresentada esta segunda-feira. Pinto da Costa recandidata-se ao ato eleitoral de abril do próximo ano para um mandato de mais quatro anos, até 2024.

Um dos subscritores da recandidatura, Lourenço Pinto, sócio do FC Porto há 60 anos, membro do Conselho Superior do clube e atual presidente da Associação de Futebol do Porto, considera que a idade de Pinto da Costa não representa um obstáculo para um novo mandato.

“Curiosamente, o Papa Francisco também tem 82 anos e é um homem cheio de virtudes, capacidade intelectual e dirige uma grande comunidade. Daí que a idade não cause qualquer problema a um líder. A liderança não se mede pela idade, nem pelo aspeto, nem pelo vestir. Mede-se pela obra. As lideranças não são gestores executivos. São homens que pensam, idealizam e preveem o que poderá acontecer. E isso está ao alcance de Pinto da Costa, um líder de uma grandeza extraordinária”, argumenta Lourenço Pinto, em entrevista a Bola Branca.

Sucessão de Pinto da Costa

Lourenço Pinto tem uma larga experiência no dirigismo e baseia-se nessa longa ligação à atividade e ao FC Porto, para afastar um cenário de concorrência a Pinto da Costa no sufrágio de abril de 2020. “Ainda não vejo ninguém nesta altura com capacidade para aquele cargo que exige muito trabalho, segurança, dinamismo e sobretudo conhecimento do futebol em toda a sua amplitude. Isso não está ao alcance de outros que possam aparecer”, considera.

Lourenço Pinto não aceita renovação da liderança dos destinos do FC Porto no próximo mandato. “O futuro baseia-se naquilo que é cíclico e as instituições vivem porque sabem renovar-se de quando em quando. Só que a renovação deve ser feita quando for necessária para transmitir algo de mais forte e positivo ao clube. Nas circunstâncias atuais, penso que Jorge Nuno Pinto da Costa é o líder carismático e que o Porto exige por tudo o que representa para todos nós. Não só em competência mas também por saber aglutinar à sua volta um conjunto de pessoas que tem um escopo comum, a defesa intrínseca do FC Porto e dos seus valores”, conclui.

Jorge Nuno Pinto da Costa, de 81 anos, é presidente do FC Porto desde abril de 1982. Está há 37 anos no cargo e é, por enquanto, o único candidato a entrar na corrida para as eleições de abril do próximo ano que elegerão os órgãos sociais do emblema nortenho para o quadriénio 2020-2024.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Francisco Sousa
    24 set, 2019 Praia da Vitória 00:00
    Tem toda a razão, sr. Lourenço! É verdade, sim senhor! Nem a idade de Pinto da Costa e ainda menos o facto de ser já presidente do clube há mais de 37 anos, constituem obstáculo a que, mais uma vez, se candidate. Pensando bem, após 37 anos de exercício de uma presidência, ainda é cedo realmente para surgir uma alternativa. É que o sr. Jorge Nuno, ao completar o próximo mandato, fará apenas 42 anos como presidente do Futebol Clube do Porto. Viva, portanto, a renovação e as alternativas também!!!

Destaques V+