Tempo
|
A+ / A-

Autárquicas 2021

José Gil. "Perdeu Fernando Medina, mas perdeu também a estratégia da gritaria"

27 set, 2021 - 18:39 • Pedro Mesquita , com Redação

José Gil pensa que a vitória de Moedas vai dar "um verdadeiro ânimo à estratégia do PSD", mas não serão estes resultados "a apagar quatro anos de desaparecimento do PSD".

A+ / A-

O filósofo José Gil considerou que a derrota de Fernando Medina, em Lisboa, para as eleições autárquicas, foi "uma expressão de algo que aconteceu em vários pontos do país".

"O PS fez uma campanha numa gritaria extraordinária. O primeiro-ministro gritou mais alto que André Ventura, que, na noite de domingo, desapareceu", disse, à Renascença, animado, pela surpresa do líder do de Lisboa.

"Ganharam aqueles que não são pelitruantes. São o contrário. Como Carlos, Moedas, Santana Lopes e Rui Moreira, indicou.

António Costa foi demasiado "tonitruante e, por isso, acabou por perder votos", analisou o filósofo.

"E depois apareciam aqueles que não diziam nada e os portugueses "quiseram requalificar"

José Gil pensa que a vitória de Moedas vai dar "um verdadeiro ânimo à estratégia do PSD", mas não serão estes resultados "a apagar quatro anos de desaparecimento do PSD".

O filósofo acredita que o balão de André Ventura "ainda tem margem para crescer", mas pouco mais. O Chega ainda está a conquistar descontentes, "contudo faltam-lhe ideias".

José Gil concluiu, dizendo que o PCP tem continuamente "definhado desde que foi convidado, por António Costa, a integrar o sistema. E o mesmo "pode acontecer ao BE".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+