A+ / A-

Novo aeroporto de Lisboa. Autarca critica Galamba por afastar Santarém sem estudos

20 jun, 2023 - 13:24 • Redação

Ricardo Gonçalves acusa ministro das Infraestruturas de fazer "declaração a quente" e desconsiderar trabalho da comissão de acompanhamento.

A+ / A-

O presidente da câmara de Santarém, Ricardo Gonçalves, considerou esta terça-feira lamentáveis as declarações do ministro João Galamba sobre a localização do novo aeroporto que vai servir a capital.

Em declarações à CNN Portugal esta manhã, o ministro das Infraestruturas desconsiderou a possibilidade de o futuro aeroporto ser instalado em Santarém, por ficar demasiado afastado de Lisboa, o que, nas suas palavras, o torna pouco viável.

À Renascença, o autarca critica a posição de Galamba, que não tem por base os estudos encomendados para a tomada de decisão.

"O ministro Galamba é conhecido por fazer declarações a quente, esta foi mais uma. O ministro não pode esquecer que o Governo a que pertenceu constituiu uma comissão para estudar a nova localização do aeroporto", destaca Ricardo Gonçalves.

“Lamento que o senhor ministro, que não devia tomar parte, venha tomar parte e dar a sua opinião. É lamentável. Faço parte de uma comissão de acompanhamento que ainda está a trabalhar. Osenhor ministro devia aguardar que, no final do ano, os estudos nos indiquem qual é a melhor solução.”

João Galamba decidiu antecipar o anúncio da localização do novo aeroporto para o primeiro semestre do próximo ano, meio ano antes do prazo avançado anteriormente pela ANA, e admite ainda que o aeroporto da Portela continuará em funcionamento durante, pelo menos, mais 12 anos.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+