Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

Combustíveis

Baixa do ISP "é mais uma medida de propaganda" do Governo, diz ACP

11 mar, 2022 - 18:44 • Pedro Mesquita com Redação

O presidente do ACP considera que a descida do ISP "fica aquém do que os portugueses e as pequenas e médias empresas precisam".

A+ / A-

O presidente do Automóvel Clube de Portugal (ACP) Carlos Barbosa critica a baixa do Imposto sobre Produtos Petrolíferos (ISP) anunciada pelo Governo e diz que trata-se pouco mais de uma "medida de propaganda".

"Fiquei surpreendido, pensava que era uma medida muito mais funda", reage, à Renascença.

O presidente do ACP considera que a descida do ISP "fica aquém do que os portugueses e as pequenas e médias empresas precisam".

"O Governo tem que baixar os impostos e baixar o IVA", apela, ainda, Carlos Barbosa.

A baixa do Imposto sobre Produtos Petrolíferos (ISP) vai fazer com que o aumento do litro de gasóleo desça 2,4 cêntimos e o da gasolina caia 1,7 cêntimos.

Nas previsões do Governo, na próxima segunda-feira o preço do litro de gasóleo deverá aumentar um pouco mais de 13 cêntimos - e não 16 - e o da gasolina mais de 9 cêntimos em vez dos 11 estimados por fontes do setor. Será esta a conta a pagar pelos consumidores, já com o desconto anunciado pelo Executivo esta sexta-feira.

Todas as semanas será anunciado o valor a devolver aos consumidores, com base no aumento do preço de venda dos combustíveis.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+