Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Ministério da Educação avança com testes Covid-19 nas escolas

26 ago, 2021 - 19:07 • Redação

Conheça as datas dos rastreios a professores, pessoal não docente e alunos do 3.º ciclo do ensino básico e os do ensino secundário.

A+ / A-

Veja também:


Professores e pessoal não docente, bem como todos os alunos do 3.º ciclo do ensino básico e os do ensino secundário vão ser testados à Covid-19 no início do ano letivo, anuncia o Ministério da Educação.

A medida foi tomada na sequência de um parecer da Direção-Geral da Saúde (DGS), emitido esta quinta-feira.

Alunos, professores e pessoal não docente serão testados à Covid-19 "independentemente do seu estado vacinal".

O processo de testagem, tal como aconteceu no ano letivo passado, irá decorrer de forma faseada.

Fase 1 – Pessoal Docente e Não Docente – 6 a 17 de setembro

Fase 2 – Alunos do ensino secundário – 20 de setembro a 1 de outubro

Fase 3 – Alunos do 3.º ciclo – 4 a 15 de outubro.

O Ministério da Educação considera que "o sucesso da Estratégia Nacional de Testes para SARS-CoV-2" justifica a realização destes testes rápidos de antigénio, para a proteção da Saúde Pública na comunidade escolar.

O Conselho de Ministros aprovou esta quinta-feira a "aquisição de serviços de realização de testes rápidos de antigénio em estabelecimentos de educação e ensino".

Portugal regista esta quinta-feira mais 15 mortes e 2.552 novos casos de Covid-19, indica o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Nos hospitais portugueses há menos 18 pessoas internadas, num total de 670 doentes com Covid-19 em enfermarias e cuidados intensivos.

Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+