Tempo
|
A+ / A-

“O Pastor só se encontra onde está a ovelha perdida”, diz o Papa aos casais

17 jul, 2018 - 17:15 • Filipe d'Avillez

A mensagem do Papa Francisco para o Encontro Internacional das Equipas de Nossa Senhora sublinha a importância da misericórdia na vida dos participantes.

A+ / A-

O Papa Francisco escreveu uma mensagem para os participantes do Encontro Internacional das Equipas de Nossa Senhora, que decorre durante esta semana em Fátima.

No texto, que foi lido na segunda-feira durante a cerimónia de abertura do encontro pelo núncio apostólico em Portugal, o arcebispo Rino Passigato, o Papa fala da necessidade de conversão e de arrependimento e recorda os casais presentes de que “a Igreja condena o pecado, porque deve dizer a verdade, mas ao mesmo tempo agraça o pecador que se reconhece como tal, aproxima-se dele, fala-lhe da Misericórdia infinita de Deus.”

O tema deste encontro é o “Filho Pródigo”, uma parábola que encerra “alegria e esperança”, diz o Papa. “Nela não se fala apenas de acolhimento e de perdão, mas também da festa pelo filho que regressa. O Santo Padre convida todos e cada um a rever-se naquele filho extraviado que voltou e a quem o pai não se cansa de abraçar e repor na sua grandeza de filho.”

As Equipas de Nossa Senhora são um movimento para casais, que cultiva a espiritualidade e a santificação do casal, fundado pelo padre francês Henri Caffarel, cuja causa de beatificação decorre.

Cada equipa é composta por cerca de seis ou sete casais e um conselheiro espiritual. As equipas reúnem-se uma vez por mês para uma reunião que inclui refeição, oração, momentos de partilha e discussão de um tema.

Na mensagem que enviou para os mais de oito mil participantes, de dezenas de países diferentes, que se encontram em Fátima, o Papa sublinhou a misericórdia de Deus, um tema a que tem dado grande importância durante o seu pontificado.

“Aqueles braços abertos na Cruz provam que ninguém é excluído do amor do pai e da sua misericórdia”, diz Francisco. “Marido, esposa, pais e filhos, bem sabem que aos olhos de Jesus não há pessoas definitivamente perdidas, mas apenas pessoas que devem ser reencontradas, e ele impele-nos a sair à procura delas. Porque se queremos encontrar o Senhor, temos de o procurar não onde nós pretendemos encontrá-lo, mas onde ele nos quer encontrar, e o pastor só pode ser encontrado onde está a ovelha perdida.”

A mensagem do Papa pode ser lida na íntegra aqui.

O Encontro Internacional das Equipas começou na segunda-feira e decorre até sábado. Entre os oradores que marcam presença está o Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente, e o cardeal Peter Turkson. O padre Tolentino Mendonça, que foi recentemente nomeado arcebispo pelo Papa Francisco, é responsável por fazer as reflexões da manhã, todos os dias.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+