Tempo
|

Quatro detidos em prisão preventiva após apreensão recorde de haxixe

01 dez, 2012

Outros quatro suspeitos detidos esta sexta-feira ficaram em liberdade.

Ficaram em prisão preventiva quatro dos oito homens que a PSP deteve na sexta-feira, no Porto, numa operação que resultou na maior apreensão de sempre de haxixe na área do Comando da PSP portuense.

Ouvidos em Tribunal, os detidos tiveram sortes diferentes: quatro ficaram em prisão preventiva, enquanto os restantes quatro saíram em liberdade, sujeitos a medidas de coacção mais leves.

A operação resultou na apreensão de 172 quilos de haxixe e no desmantelamento de uma rede que, alegadamente, abastecia consumidores em praticamente todo o Norte do país, com maior incidência nos concelhos do Porto, Maia, Gondomar e Valongo.