Tempo
|

Tibete

Descobertos textos católicos antigos escritos em tibetano

17 nov, 2011

45 volumes da Bíblia e cerca de 500 textos sobre Nossa Senhora foram encontrados em óptimo estado de conservação.

Descobertos textos católicos antigos escritos em tibetano
Foram encontrados no Tibete uma série de textos católicos, ligados à única paróquia católica da região.

Os textos, até agora desconhecidos, são exemplares únicos do género escritos no idioma local e incluem 45 volumes da Bíblia e ainda 489 textos sobre Nossa Senhora.

Os textos não são muito antigos, datando do início da década de 30 do século XX, mas são raros e estão em excelente estado de conservação.

Apesar de ser automaticamente associado ao Budismo, o Tibete tem uma pequena comunidade católica que data de 1855, quando chegaram ao local missionários da Sociedade para as Missões.

A paróquia de Mang Kang foi suprimida com a invasão chinesa, mas reactivada em 1988. Actualmente é servida por um padre tibetano e frequentada por cerca de 740 leigos. Há ainda duas freiras e duas noviças na paróquia.

O primeiro contacto do Tibete com católicos está ligado a Portugal. Os jesuítas António de Andrade e Manuel Marques foram os primeiros ocidentais a chegar ao país tendo então encontrado uma forma de religiosidade que, à primeira vista, associaram a um Cristianismo desvirtuado.