Tempo
|
A+ / A-

FC Porto

Sérgio Conceição. “Cereja no topo do bolo”

22 mai, 2022 - 20:20 • Carlos Calaveiras

Dobradinha conquistada. Este é “o melhor grupo” do FC Porto para o treinador. Sobre o futuro? “Agora vamos festejar”.

A+ / A-

O treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, mostrou-se feliz depois da vitória (3-1) contra o Tondela para a Taça de Portugal.

"Este ano conseguimos mais dois títulos que são os mais importantes nas provas internas. Estamos felizes por isso. Foi um ano fantástico da equipa com muitas dificuldades. Tivemos adversários fortes no campeonato, tivemos um percurso imaculado na Taça. Defrontámos os grandes rivais e conseguimos vencê-los. Hoje era a cereja no topo do bolo”, referiu.

O técnico dos dragões não tem dúvidas: “Estamos muito felizes, foi a cereja no topo do bolo. Parabéns aos jogadores, época fantástica. Festejei aqui como jogador uma vez, agora como treinador. Mais importante do que a qualidade individual dos jogadores é a forma como eles trabalham. Este foi o melhor grupo que apanhei nesse sentido”.

Numa análise à partida do Jamor, Conceição referiu que “na primeira parte, não percebemos que espaços tínhamos de ocupar para criar mais dificuldades sobre a linha defensiva de 5. A partir do respeito que tivemos pelo Tondela, não deixando que saíssem, fez com que pudéssemos estar a festejar aqui".

"Este era ‘o’ jogo para o FC Porto. Houve uma ou outra situação que nós, treinadores, vamos tentando corrigir. Sabemos os comportamentos-padrão do adversário e o Zaidu levou um bocado nas orelhas. Tanto ele como o João Mário são muito fortes nos movimentos de trás para a frente. Eu queria sempre dois homens entre o central e lateral para dar referências e criar-lhes dificuldades. Foi assim que na primeira parte conseguimos criar perigo e na segunda parte ainda mais”.

O técnico dos dragões resume: “O resultado penso que é curto para aquilo que fizemos”.

Sobre a próxima época, Sérgio Conceição lembra que “Já foi falado” e que “tem contrato” e quer “festejar”.

O FC Porto derrotou o Tondela, por 3-1, na final da Taça de Portugal no Jamor e conquistou a dobradinha.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+