Tempo
|
A+ / A-

Proposta do Tottenham por Luis Díaz não agradará ao FC Porto

26 jan, 2022 - 09:38 • Redação

O extremo internacional colombiano, de 25 anos, tem contrato válido até 2024 e cláusula de rescisão de 80 milhões de euros.

A+ / A-

O FC Porto recebeu, de acordo com "O Jogo", uma proposta formal do Tottenham por Luis Díaz, no entanto, não estará inclinado a aceitar.

Segundo a publicação, os ingleses ofereciam 45 milhões de euros, mais cinco milhões em objetivos pelo extremo internacional colombiano.

O FC Porto não terá ficado satisfeito com os valores propostos pelo Tottenham. Luis Díaz, de 25 anos, tem contrato até 2024 e cláusula de rescisão de 80 milhões de euros. Os dragões detêm apenas 80% do passe.

Segundo "O Jogo", o próprio Luis Díaz estaria mais inclinado a sair só no final da época e para um clube mais importante, como Liverpool ou Manchester United. O "novo-rico" Newcastle também estará interessado.

Sérgio Conceição não quer abrir mão


Já em janeiro, em declarações à Sport TV, Sérgio Conceição assumiu vontade de segurar Luis Díaz no Dragão até ao final da temporada.

"Não podemos adivinhar o que vai acontecer. Os jogadores têm uma cláusula de rescisão e se a baterem não há nada a fazer, mas a intenção do FC Porto é ficar com todos os jogadores importantes. Todos são importantes, mas há uns que se destacam mais e o Luis [Díaz] tem-se destacado", reconheceu, na altura, o treinador do FC Porto.

Questionado, no mesmo dia sobre o seu futuro, Luis Díaz foi mais reservado, contudo, garantiu estar "muito, muito focado no FC Porto":

"Estou muito feliz por estar aqui. Vamos por um 2022 muito bom."

Luis Díaz representa o FC Porto desde 2019/20, há três anos. Esta temporada, regista 16 golos e cinco assistências em 28 jogos.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+