Tempo
|
A+ / A-

Mundial do Qatar

Futre pede a Rafa Silva para voltar à seleção nacional

26 out, 2022 - 14:54 • Redação

Antigo capitão da seleção apela a uma conversa entre o jogador do Benfica e Fernando Santos: "Nenhum selecionador do Mundial deixaria de fora um jogador na forma em que está o Rafa".

A+ / A-

Paulo Futre, antigo capitão da seleção nacional, apela a que Rafa Silva regresse à seleção nacional para o Mundial do Qatar.

O ex-avançado, que somou 41 internacionalizações por Portugal, pede para que o jogador do Benfica se "sente" com Fernando Santos e "limem os problemas que têm".

O pedido de Futre surge depois de mais uma exibição inspirada de Rafa, de 29 anos, na vitória do Benfica frente à Juventus. Rafa apontou dois golos frente à "Vecchia Signora" e leva já 9 esta época, para além de 4 assistências.

"O Mundial está aí à volta da esquina. Não sei o que aconteceu entre o selecionador Fernando Santos e o Rafa, mas sei que nenhum selecionador de todas as seleções do Mundial deixaria de fora um jogador na forma em que está hoje o Rafa", começa por dizer Futre.

Rafa Silva anunciou a retirada na seleção nacional em setembro, depois de ter sido convocado por Fernando Santos para as últimas jornadas da fase de grupos da Liga das Nações.

O avançado somou 25 interncionalizações e esteve na conquista do Euro 2016 e Liga das Nações 2019.

Em novembro de 2021, o jornal "Record" noticiou que alegada personalidade complicada e falta de compromisso de Rafa estariam a preocupar a Federação, algo que já vinha a ser noticiado desde o Campeonato da Europa, meses antes, durante o verão. Rafa ainda não tinha sido chamado à seleção deste esta altura.

Na altura, Fernando Santos negou qualquer polémica: "É totalmente falso. Foi convocado das últimas duas vezes. Está comigo desde 2015, quando estava no Braga. Foi campeão da Europa, ganhou a Liga das Nações. Vai voltar a ser chamado, sem dúvida. Estava na última convocatória, mas lesionou-se.Está tudo tranquilo com o Rafa".

Futre pede para que selecionador e jogador resolvam as diferenças: "Sei que nenhum profissional quer ficar em casa a ver o Mundial. Como ex-capitão da seleção, peço a ambos que se sentem e limem os problemas que têm. Façam isto por Portugal", termina.

Também hoje em Bola Branca, Toni, antigo jogador e treinador, afirma que "Rafa merecia o palco do Mundial", acrescentando que tem "muita pena" pela situação, e que esta nunca devia "estar extremada".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+