Tempo
|
Henrique Raposo n´As Três da Manhã
Quartas-feiras, às 9h20, n'As Três da Manhã
A+ / A-
Arquivo
Agressão a repórter. “O autor moral da agressão é o Pinto da Costa” - Henrique Raposo

Henrique Raposo

Agressão a repórter. “O autor moral da agressão é Pinto da Costa”

28 abr, 2021 • Marta Grosso


Henrique Raposo compara o episódio da agressão a um repórter da TVI à altura em que o presidente do FC Porto tinha “um capanga” conhecido por guarda Abel.

No entender do comentador d’As Três da Manhã, Pinto da Costa “é o autor moral” da agressão que aconteceu na segunda-feira, no final do jogo entre o Moreirense e o FC Porto.

Foram já apresentadas desculpas, quer do empresário Rui Pinho, autor da agressão, quer de Pinto da Costa, mas Henrique Raposo considera que o ato continua a ser inaceitável.

“As autoridades desportivas vão retirar a licença de empresário ao cavalheiro em questão. Mas isso é irrelevante. Ele tem de ser punido pelo crime público que praticou: agrediu jornalistas”, diz, defendendo que este caso “vai muito para além da esfera desportiva”.

Henrique Raposo critica ainda a “cultura do ódio que as televisões alimentaram durante décadas”.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Artur Ferreira Carva
    02 mai, 2021 OEIRAS-LISBOA 18:07
    Muito bla-bla bla. Veremos quais as consequências se não ficarão na gaveta como é costume neste País!
  • Ivo Pestana
    28 abr, 2021 Funchal 11:55
    Os repórteres de imagem, gravaram o Sr. Pinho junto ao balneário e como estamos em pandemia, não sei se este poderia estar ali, conforme as regras da Liga. O agressor não é da estrutura do Porto, mas é muito próximo, não gostou do trabalho prestado, logo agrediu quem estava a trabalhar. O Sr. Pinto da Costa, não tinha nada que vir falar com o repórter, pois fazem um serviço público. Agora, a ser responsável, não acho, pois o Sr. Pinho é maior e vacinado. Vai responder pelos seus atos.