Tempo
|
Explicador Renascença
As respostas às questões que importam sobre os temas que nos importam.
A+ / A-
Arquivo
Explicador Renascença da Tarde
Ouça o Explicador Renascença

Explicador Renascença

O que é o Bard, rival do ChatGPT?

13 jul, 2023 • Pedro Mesquita


O Bard extrai continuamente informações da Internet, incluindo as mais recentes. Ou seja, o Bard não resume o seu conhecimento a um conjunto de informações que - apesar de muito vasto - é limitado.

A partir desta quinta-feira ficou disponível em Portugal o acesso ao Bard, um programa de inteligência artificial.

Trata-se de uma alternativa, criado pela Google, para rivalizar com o ChatGPT.

O Explicador Renascença conta todos os pormenores.

O que é este BARD?

Em linguagem simples e humana, Bard é um "familiar" do ChatGPT, porque também utiliza inteligência artificial para interagir com humanos, só que, apesar de algumas semelhanças, são primos afastados e prometem ser fortes concorrentes.

O ChatGPT foi lançado pela OpenAI e recebeu um investimento multimilionário por parte da Microsoft.

Já o Bard - lançado pela Google à quatro meses - é um serviço experimental de conversa, que também recorre à inteligência Artificial, mas promete aos utilizadores algumas ferramentas inovadoras.

Quais as principais diferenças?

A principal diferença que é apontada por quem já experimentou conversar com cada um deles é a fonte de informação.

O ChatGPT tem uma enorme cultura, leu tudo o que havia para ler, mas só até 2021, ou seja, foi treinado com dados disponíveis na rede mas apenas até setembro de 2021.

Já o Bard extrai continuamente informações da Internet, incluindo as mais recentes. Ou seja, o Bard não resume o seu conhecimento a um conjunto de informações que - apesar de muito vasto - é limitado. Vai procurar na rede também a informação mais recente sobre determinado tema.

Outra novidade do Bard é que permite incluir imagens. Certas respostas do Bard poderão não ser apenas por escrito, mas também incluir imagens dos sítios mais recomendáveis para visitar.

Quais são os pontos fortes do Bard?

Como já vimos, o seu conhecimento artificial sobre o mundo dos humanos vai muito além dos dados que lhe foram injetados à nascença. Consegue procurar informação atualizada, na internet.

Também apresenta imagens nas suas respostas e é um perito a fazer pesquisas na Internet e a resposta que te der pode ser reencaminhada diretamente por email.

Noutro plano, o Bard também suporta muitos "plugins" que permitirão, por exemplo, solicitar a entrega de produtos ao domicílio, ou reservar bilhetes para o cinema.

E os pontos fracos?

Há quem diga que é propenso a alucinações e inventa informações, mas isso também acontece muitas vezes com o ChatGPT. É compreensível porque ainda estão em formação.

Outro ponto negativo no Bard é que, apesar de procurar informação atualizada na internet, nem sempre escolhe as fontes mais credíveis, ou seja, é permeável às fake news.

Por que é que o sarampo se está a propagar rapidamente?
Julian Assange vai ser extraditado para os EUA?
Protesto dos polícias no Capitólio foi autorizado?
Missão militar europeia no Mar Vermelho. Quais são os meios e os objetivos?
O que é que fez o endividamento das famílias quadruplicar desde 2015?
Morreu Alexei Navalny. O que se sabe até agora?
Julgamento de suspeito do rapto de Maddie McCann está relacionado com o caso?
Madeira. O que é que vai acontecer agora que os três detidos foram libertados?
Já é possível ter o cartão de cidadão e a carta de condução no telemóvel. Como é que funciona?
Vai ser possível consultar online as declarações de rendimentos e património dos políticos. Que plataforma é esta?
A Meta vai limitar o acesso a sugestões de conteúdo político nas redes sociais. O que é que isto significa?
Presencial, correspondência ou antecipado. Como votar nas eleições legislativas?
Por que é que as televisões recusaram debates com Nuno Melo a representar a AD?
Abandono escolar aumenta em Portugal. Porquê?
Por que é que há bancos a bloquear as contas dos clientes?
Baixas médicas e fim de grupo operacional. O que se passa na PSP?
A PSP está a investigar a própria PSP por suspeitas de fraude?
Quem é o pirata português procurado nos EUA?
Existe uma relação contratual entre um estafeta e a Uber Eats?
Dengue deixa Rio de Janeiro em estado de emergência. A culpa é do mosquito?
Os protestos dos polícias podem impedir as eleições legislativas?
O que sabemos da manifestação anti-Islão?
Cessar-fogo à vista. Aproxima-se o fim da guerra entre Israel e Hamas?
Agricultores protestam e cortam estradas em Portugal. Porquê?
Telecomunicações mais caras. Por que é que os preços voltam a aumentar?
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.