Tempo
|
Da Capa à Contracapa
Os grandes temas da atualidade em debate à Terça-feira, depois das 23h, na Edição da Noite. Uma parceria da Renascença com a Fundação Francisco Manuel dos Santos.
A+ / A-
Arquivo
A situação [desigual] das mulheres em Portugal

Da Capa à Contracapa

A situação (desigual) das mulheres em Portugal

20 abr, 2021 • José Pedro Frazão , Ana Marta Domingues


A socióloga Anália Torres e a Presidente da Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género (CIG), Sandra Ribeiro, são as convidadas do programa Da Capa à Contracapa desta semana.

O mais recente estudo do Fórum Económico Mundial revela que a pandemia agravou a desigualdade entre homens e mulheres. Elas foram mais prejudicadas pelo desemprego e mais sobrecarregadas em casa.

A paridade no plano da saúde, da economia e da política pode só chegar daqui a 135 anos. No entanto Portugal está a subir na tabela e está em 22º lugar em 156 países.

O que é preciso fazer para diminuir a desigualdade de género? O mérito é suficiente? As quotas são essenciais? A mudança cultural será inevitavelmente lenta? E que papel podem ter as políticas públicas? A educação é a chave desta equação?

Vamos tentar saber mais sobre o caso português com a socióloga Anália Torres e com a presidente da Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género (CIG), Sandra Ribeiro, num debate moderado pelo jornalista José Pedro Frazão.

Da Capa à Contracapa é uma parceria da Renascença com a Fundação Francisco Manuel dos Santos, para ouvir à terça-feira, pelas 23h15, na Edição da Noite da Renascença.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Maria
    20 abr, 2021 Palmela 16:11
    Desigualdade pois! Tao levar mais pancada da policia que os homens!