Tempo
|
Euranet
Decidir Europa
Todas as semanas, um convidado especial fala sobre os grandes temas da Europa e do mundo no programa "Decidir Europa", com edição do jornalista José Bastos.
A+ / A-
Arquivo
Decidir Europa - Luís Miguel Ribeiro e a Rede Global da Diáspora - 22/10/2021
Decidir Europa - Luís Miguel Ribeiro e a Rede Global da Diáspora - 22/10/2021

Decidir Europa

Luís Miguel Ribeiro e a Rede Global da Diáspora

22 out, 2021 • José Bastos


Presidente da Fundação AEP explica a rede que transforma portugueses pelo mundo em embaixadores da oferta nacional.

A rede colaborativa que une portugueses em mais de 150 países – a Rede Global da Diáspora - terá maior visibilidade internacional e novas funcionalidades até 2023.

A plataforma é um projeto da Fundação AEP que tem como objetivo promover a marca Portugal no quadro planetário e auxiliar as PME nacionais a aumentar as exportações, estimulando a colaboração das comunidades portuguesas espalhadas pelo mundo.

Na versão 2.0 da Rede Global serão lançadas novas funcionalidades, um “Portal do Investidor”, dirigido a empresas e investidores para agilizar negócios à escala mundial, permitindo ainda interações para conhecer a diáspora ao pormenor com as empresas a poder identificar os canais de distribuição mais adequados a cada negócio, ou setor de atividade, através de uma ferramenta de business intelligence.

Adiados devido à pandemia da Covid-19, os encontros presenciais de negócios junto das comunidades mais representativas da diáspora vão ter lugar no continente americano (Brasil, Canadá e Estados Unidos) e Europa (Alemanha, França e Luxemburgo). O Brasil, em particular, vai acolher o encontro global das Câmaras de Comércio da Língua Portuguesa.

Luís Miguel Ribeiro, presidente da Fundação AEP, vai detalhar o essencial deste acelerador de negócios à escala global, num projeto apoiado pelo Portugal 2020, no âmbito do COMPETE 2020 – Sistema de Apoio às Ações Coletivas, cofinanciado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.