Tempo
|
A+ / A-

Porto

Torre dos Clérigos reabre ao público no Dia da Família

14 mai, 2021 - 17:49 • Ana Lisboa

Reabertura será assinalada com preços especiais nos bilhetes deste fim de semana e com vários eventos previstos para o dia 15 de maio.

A+ / A-

A Torre dos Clérigos abre as portas ao público no sábado, Dia Internacional da Família, depois de "alguns meses com a sua operação suspensa pela pandemia e por obras de melhoramentos de alguns dos espaços de circulação dos visitantes", anuncia em comunicado o diretor executivo do monumento da cidade do Porto.

Para assinalar esta reabertura, durante este fim de semana, 15 e 16 de maio, "vai ser possível adquirir os bilhetes de entrada para o monumento com preços especiais: na compra de dois bilhetes, o visitante paga apenas um".

Durante a manhã, o conhecido "palhaço Pico" vai apresentar a personagem do "Inspetor Desconfinamento", "para interagir com as famílias, de forma animada, proporcionando momentos de recordação, sempre com muita segurança", explica o Padre Manuel Fernando, presidente da Irmandade dos Clérigos.

Às 16h00, serão tocados os 49 sinos do carrilhão dos Clérigos. Ana Elias é a carrilhanista convidada para interpretar várias músicas, "das quais se destacam a 'Prelúdio 5' de Mathias Vanden Gheym e o 'Porto Sentido' de Rui Veloso".

A Noite Europeia dos Museus, no mesmo sábado, será assinalada pelo ex-líbris da cidade do Porto "com visitas noturnas à Torre até às 21h00, mantendo-se os preços especiais: na compra de dois bilhetes, o visitante apenas paga um".

Depois das 21h00, realiza-se o concerto nos órgãos históricos da Igreja dos Clérigos, para assinalar o concerto diário número 2.000.

Contará com a presença do organista titular Rui Soares e dos convidados Marcos Brescia (organista) e Rosana Orsini (soprano). Estes concertos, que se realizam diariamente desde 2015, são gratuitos e "são muito apreciados pelos nossos visitantes nacionais e estrangeiros, Este concerto será também transmitido na página do Facebook da instituição", sublinha o Padre Manuel Fernando.

Com esta reabertura, o diretor executivo da Torre dos Clérigos "está otimista", mas acredita que será "um caminho longo para atingir os valores" de visitantes pré-pandemia.

O complexo dos Clérigos terminou o ano de 2019 com cerca de um 1,5 milhões de visitantes e o ano de 2020 com cerca de 365 mil. É um dos espaços mais visitados em Portugal.

A intervenção recentemente feita ao monumento "rondou os 150 mil euros e vai permitir um maior conforto na gestão de fluxos dos visitantes".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+