Tempo
|
A+ / A-

Estágios

Governo reforça programa ATIVAR com 40 milhões de euros

20 jan, 2021 - 21:05 • Ana Carrilho

Três quartos do reforço que o Governo anunciou hoje vão para o Incentivo ATIVAR.PT que fica, assim, com uma dotação total de 105 milhões de euros.

A+ / A-

As candidaturas às medidas de apoio aos estágios e incentivo ao emprego superaram as expectativas e o Executivo acabou por aumentar a dotação, que atinge agora os 140 milhões de euros.

Até ao fim do trimestre abre uma nova fase de candidaturas para este programa de apoio à manutenção do emprego e retoma da atividade económica, fortemente atingida pela crise pandémica.

Entre outubro e dezembro esta medida recebeu mais 15.700 candidaturas que correspondem a cerca de 19.200 estagiários, refere uma nota divulgada esta quarta-feira pelo Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social. O IEFP – Instituto de Emprego e Segurança Social já aprovou, entretanto, 9.900 dessas candidaturas, que correspondem a 11.300 estágios, no valor de 75 milhões de euros.

Os Estágios ATIVAR.PT substituem os Estágios Profissionais e têm uma bolsa mais alta. Por exemplo, no caso de um licenciado, passou de 719 para 790 euros.

Os estagiários com licenciatura são, aliás, os mais procurados (47%). Mas cerca de 19% das entidades também procura estagiários com mestrado. As áreas de formação com maior “saída” são as ciências físicas, matemáticas, engenharias, finanças, contabilidade, organização administrativa, relações públicas, tecnologias de informação e comunicação.

Três quartos do reforço que o Governo anunciou hoje (30 milhões de euros) vão para esta medida que fica, assim, com uma dotação total de 105 milhões de euros.

Também o Incentivo ATIVAR.PT teve muita procura. Recebeu cerca de 6.600 candidaturas, que correspondem a 7700 postos de trabalho, 90% dos quais para contrato sem termo. As entidades empregadoras estão assim, em condições de receber um apoio base de 5.266 euros quando contratam desempregados inscritos no IEFP, valor 33% mais alto do que era pago na medida anterior, o Contrato-Emprego.

Segundo o gabinete da Ministra Ana Mendes Godinho, o IEFP já aprovou 1.750 candidaturas, a que correspondem 1.900 postos de trabalho e um apoio de 12 milhões de euros.

Até ao final de março será aberta uma nova fase de candidaturas, afirma o Ministério do Trabalho.

O programa ATIVAR.PT – Programa Reforçado de Apoios ao Emprego e à Formação Profissional integra o Programa de Estabilização Económica e Social. O objetivo é apoiar a manutenção do emprego e a retoma progressiva da atividade económica, na sequência da crise provocada pela Covid-19.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+