A+ / A-

Surto de listeriose. Foco identificado em máquinas da fábrica de carne "La Mechá"

23 ago, 2019 - 07:30 • Redação

Aumentou para 175 o número de infetados em Espanha: 82 estão hospitalizados, dos quais 28 são grávidas.
A+ / A-

A ministra da Saúde espanhola revelou ter sido identificado o foco de contaminação do surto de listeriose: análises confirmaram que a origem da infeção foi detetada nas máquinas industriais utilizadas para misturar ou rechear a carne na fábrica dos produtos de marca “La Mechá”, em Sevilha.

Segundo a ministra María Luisa Carcedo, o próximo passo é investigar em que fase do processo de produção dos alimentos terá acontecido a contaminação.

A imprensa espanhola atualizou o número de casos. Nesta altura estão confirmadas 175 pessoas infetadas, estando 82 hospitalizados, dos quais 28 são grávidas. A doença também já fez um morto.

A esmagadora maioria das situações detetadas estão centrados na província da Andaluzia.

Toda a produção da empresa Magrudis desde abril, incluindo a marca "La Mechá", foi já retirada do mercado pela própria empresa, que se encontra encerrada.

Os produtos referenciados são "chincharrón" andaluz (gordura de porco frita), lombo de Jerez, lombo com pimentão, e lombo caseiro temperado com pimentão, da marca "La Mechá".

O que é a listeriose?
O que é a listeriose?

Segundo o “El Mundo”, que cita organismos da saúde, nos últimos anos registaram-se em Espanha uma média de 25 mortes anuais por listeriose.

A Direção Geral de Alimentação e Veterinária já confirmou que o produto espanhol contaminado não é comercializado em Portugal, mas alerta os viajantes que tenham como destino aquela região de Espanha, para a necessidade de adoção de medidas preventivas, nomeadamente a eliminação de produtos daquela marca que eventualmente possam ter na sua posse.

Em Portugal, a listeriose é uma doença de notificação obrigatória desde 2014, através do Sistema Nacional de Vigilância Epidemiológica (SINAVE).

Segundo o site da Direção Geral da Saúde, a listeriose "é uma infeção causada pela bactéria Listeria monocytogenes (L. monocytogenes), habitualmente associada ao consumo de alimentos contaminados" e "apesar de pouco frequente, a infeção pode ser grave, especialmente em imunodeprimidos e recém-nascidos."


legislativas 2019 promosite
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.