A+ / A-

Papa. Proteção de menores na Igreja é "ato de forte responsabilidade pastoral"

17 fev, 2019 - 12:34 • Redação

Na semana em que o Vaticano decide aplicar a pena de redução ao estado laical ao antigo cardeal McCarrick, Francisco reafirma a proteção dos menores como um “desafio urgente do nosso tempo”.
A+ / A-
Papa. Protecção de menores na Igreja é “ato de forte responsabilidade pastoral”
Papa. Protecção de menores na Igreja é “ato de forte responsabilidade pastoral”

“Convido a rezar por esta conferência”, pediu o Papa, este domingo, referindo-se ao encontro com os presidentes de todas as Conferências Episcopais, na próxima semana.

Em debate, o tema da proteção de menores na Igreja, depois de ter sido confirmada a pena de redução ao estado laical ao antigo cardeal norte-americano Theodore Edgar McCarrick.

A notícia foi conhecida no sábado e confirma a decisão anterior do Congresso da Congregação para a Doutrina da Fé.

McCarrick foi considerado culpado de solicitação de natureza sexual durante o sacramento da confissão e de atos de natureza sexual com menores e adultos – o que o comunicado refere como “pecados contra o Sexto Mandamento” – com “a agravante de abuso de poder”.

Era dos clérigos mais influentes dos Estados Unidos.


legislativas 2019 promosite
Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.