Tempo
|
Jacinto Lucas Pires-Henrique Raposo
Um escritor, dramaturgo e cineasta e um “proletário do teclado” e cronista. Discordam profundamente na maior parte dos temas.
A+ / A-
Arquivo
Jacinto Lucas Pires e Henrique Raposo - CTT - 30/01/2019
Jacinto Lucas Pires e Henrique Raposo - CTT - 30/01/2019

H. Raposo

"Renacionalizar os CTT é excessivo"

30 jan, 2019


Comentadores da Renascença divergem. Henrique Raposo considera que concessão deve ser melhorada, Jacinto Lucas Pires defende a renacionalização.

O comentador da Renascença Henrique Raposo considera que "renacionalizar os CTT é excessivo". O contrato de concessão a privados dos serviços postais está a entrar na reta final, sendo que o Governo admite a hipótese de voltar a nacionalizar a empresa.

Raposo reconhece que o serviço precisa de ser melhorado, mas não defende o regresso da empresa à esfera do Estado. "Há aqui uma enorme população do interior e idosa que depende mesmo dos CTT", reconhece Raposo, defendendo uma renegociação "com mais cuidado".

Já Jacinto Lucas Pires tem opinião contrária. "Acho que deve ser renacionalizado. A solução privada não é boa para os CTT, não é boa para o país", defende.

No início de 2019, a Autoridade Nacional de Comunicações (ANACOM) alertou para a hipótese de 48 concelhos e 411 mil portugueses podem ficar sem uma estação dos CTT a curto prazo.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.