A+ / A-

Muçulmanos portugueses dão boas-vindas ao Papa

12 mai, 2017 - 21:01 • Filipe d'Avillez

Os líderes da comunidade islâmica lamentam não poder estar em Fátima e dizem-se orgulhosos do trabalho que o Papa tem estado a fazer.
A+ / A-


A Comunidade Islâmica de Lisboa dirige uma mensagem ao Papa Francisco, na ocasião da sua visita a Portugal.

O presidente da comunidade, Abdool Magid Vakil e o sheik David Munir, imã da Mesquita Central, começam por lamentar não poder estar com o Papa em Fátima, mas manifestam o desejo de se unir aos seus “irmãos cristãos que vivem este momento tão importante e significativo dos 100 anos das aparições em Fátima”, para dar as boas vindas ao Papa.

A mensagem, que foi enviada à Renascença, pode ser lida aqui na íntegra.

"Assalamo Aleikum

Pax Vobiscum

Com muita pena de não podermos estar com o Papa Francisco, não queremos deixar de nos associar aos nossos irmãos cristãos que vivem este momento tão importante e significativo dos 100 anos das aparições em Fátima, para dar as boas vindas a Sua Santidade e dizer que pedimos a Deus, Todo Misericordioso e Misericordiador, para que conceda longa vida e saúde ao nosso Irmão Franciscus para continuar a fazer a excelente Obra que tem vindo a fazer e que bastante nos orgulha.

Bênçãos de Deus para o Papa Franciscus.

Os mais respeitosos cumprimentos dos irmãos muçulmanos de Portugal

Abdool Magid Vakil (presidente da Comunidade Islâmica)

Sheik David Munir (Imam da Mesquita Central)"

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.