O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
Encalhados na Turquia

O dentista que fugiu da Síria com um paciente de boca aberta

28 dez, 2017 - 11:25 • Catarina Santos

O doutor Moussa tinha uma boa vida na Síria. Tinha tudo, menos liberdade e dignidade. Ajudou os feridos e foi perseguido por isso. Trabalha ilegalmente numa clínica, em Istambul, e não lhe interessa tentar integrar-se na sociedade turca. Só quer regressar a Damasco.
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.