O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-
Vitória de Guimarães

Joaquim Envagelista sobre João Aurélio. "É muito estranho ele estar envolvido neste tipo de práticas"

16 mai, 2018 - 17:50

Presidente do Sindicato dos Jogadores contatou o jogador do Vitória de Guimarães e questiona o seu envolvimento no alegado esquema de corrupção.
A+ / A-

O presidente do Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol (SJPF) revela alguma estranheza pelo envolvimento do nome de João Aurélio na alegada viciação do encontro entre Vitória de Guimarães e Sporting, para a terceira jornada da Primeira Liga 2017/18.

O nome do defesa alentejano está a ser citado na investigação que está já em curso e que imputa práticas de corrupção aos leões, ao nível do andebol mas também do futebol.

"É muito estranho ele estar evolvido neste tipo de práticas", confessa", começa por adiantar Joaquim Evangelista, em entrevista a Bola Branca, revelando que que ligou ao lateral.

“Falei diretamente com o jogador. Sou amigo pessoal do João [Aurélio] e, nessa qualidade mas sobretudo como presidente do SJPF, tive o cuidado de lhe ligar. O nosso gabinete jurídico está a acompanhá-lo e a aconselhá-lo", adianta, preferindo não se pronuciar sobre um caso que desconhece na sua plenitude mas prometendo uma "tomada de posição", sempre e "quando houver desenvolvimentos".

João Aurélio estava a iniciar as suas férias quando soube das notícias e deslocou-se a Guimarães para reunir com a sua defesa. Sobre o estado de espírito do atleta, Joaquim Envagelista admite ter ouvido um João Aurélio "abalado".

"Está abalado, sobretudo por ver o nome dele envolvido num período em que estava a iniciar as suas férias e, de repente, é confrontado com este terramoto que se está a viver no futebol português. Os jogadores têm sido muito visados injustamente”, completa.

Entretanto, através de comunicado, o Vitória de Guimarães já se demarcou do caso de corrupção que está a abalar o Sporting e o próprio desporto português.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Luciano
    16 mai, 2018 São João de ver 20:48
    Se os indícios de corrupção é com o sporting porque um jogador do Porto na imagem Façam jornalismo sério