Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

Casa de Freddie Mercury em Londres à venda com preço inicial de 34,8 milhões de euros

28 fev, 2024 - 06:41 • Lusa

A habitação apenas poderá ser vista pelos interessados que demonstrem que têm fundos suficientes para adquiri-la, segundo o "Telegraph".

A+ / A-

A casa em Londres que foi propriedade do ex-vocalista da banda britânica Queen, Freddie Mercury, foi colocada à venda por um preço inicial de 34,8 milhões de euros, adiantou esta terça-feira o The Telegraph.

A "Garden Lodge", residência em estilo georgiano, está localizada no exclusivo bairro de Kensington, onde o astro da banda de rock viveu até sua morte em 1991.

Por questões de privacidade, a imobiliária Knight Frank, responsável pela venda, publicará 'online' apenas duas fotos da casa, o hall de entrada e parte da sala de jantar.

A habitação apenas poderá ser vista pelos interessados que demonstrem que têm fundos suficientes para adquiri-la, segundo o Telegraph.

Freddie Mercury (1946-1991) deixou a propriedade e todo o seu interior a Mary Austin, a sua amiga mais próxima, que se mudou para lá logo após a morte do músico britânico.

O conteúdo da casa foi vendido em leilão no ano passado e agora Austin decidiu vender a propriedade também.

Para evitar que fãs dos Queen se façam passar por compradores, a imobiliária só irá partilhar os detalhes da casa e marcar visitas depois de avaliados os fundos dos potenciais compradores.

A casa, que Mercury comprou em 1980, tem, entre outras coisas, bar, biblioteca e oito quartos.

Austin referiu ao Telegraph que a estrela dos Queen lhe disse: "Deixei-te a casa porque serias a mulher com quem eu me teria casado e, por direito, tudo isto teria sido teu de qualquer maneira".

Mercury e Austin tiveram um relacionamento de seis anos e permaneceram amigos após a separação.

O cantor chegou a referir-se a Mary Austin como a sua mulher e admitiu que ela era a "sua única amiga" e que não queria "mais ninguém".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+