Tempo
|
A+ / A-

"Marionetas na Cidade" leva 11 companhias de quatro países a Alcobaça

20 set, 2022 - 06:38 • Lusa

A edição deste ano do festival, um dos mais antigos do país, conta com um orçamento de 40 mil euros.

A+ / A-

Onze companhias de quatro países vão apresentar, em Alcobaça, 18 espetáculos integrados na 25.ª edição do Festival "Marionetas na Cidade" que decorre entre os dias 3 e 9 de outubro.

O festival, apresentado hoje à comunicação social, "volta a apostar num programa diversificado", disse à agência Lusa o diretor artístico do "Marionetas na Cidade", José Gil, vincando que, aos 18 espéculos, se somarão "uma exposição, o lançamento do primeiro de Cadernos de Teatro de Marionetas da S.A. Marionetas e a inauguração da placa comemorativa dos 25 anos da companhia e do primeiro aniversário da inscrição no Inventário Nacional de Património Imaterial Cultural do Teatro Dom Roberto".

A exposição, intitulada "Objectos Fascinados - Performances da criação de Natacha Costa Pereira", será inaugurada no dia 3, e ficará patente até 30 de novembro, no Museu do Vinho, em Alcobaça.

A mostra é resultado de um projeto que "teve como objetivo trabalhar a marioneta no contexto da arte contemporânea, explorando conteúdos do folclore e da arte popular, ambos raízes do próprio teatro de marionetas", refere a S.A. Marionetas.

Já a edição dos cadernos integra-se na comemoração dos 25 anos da companhia, que vão ser assinalados entre outubro deste ano e outubro do próximo. A edição traduzir-se-á na "publicação de um caderno por mês, com os textos originais criados pelos elementos base da companhia, José Manuel Valbom Gil, Natacha Costa Pereira e Sofia Olivença Vinagre, ao longo deste percurso", disse José Gil.

Com a maioria dos espetáculos a acontecer nas ruas da cidade, com entradas gratuitas, o programa integra ainda a iniciativa "Na Palheta com ...", uma conversa "entre artistas e o público, tem que sido feita nos últimos 15 anos, sempre num espaço de restauração e que este ano conta com a participação dos marionetistas Rui Sousa e João Costa", acrescentou o diretor artístico.

Entre os espetáculos programados contam-se a apresentação do Teatro D. Roberto pelas companhias Marionetas Rui Sousa, Mãozorra, S.A. Marionetas e Teatro de Marionetas.

O festival leva ainda às ruas de Alcobaça as peças "MEDO. Manual de sobrevivência para seres fofinhos" e "Uma torneira na testa", pela companhia VATE/ATA, do Algarve, "Mil e uma", pela Caricata Teatro, "The World of Marionet of Teodor Borisov", pela Teador Borisov (Bulgária), "Pedro, a Mentira e o Lobo", pela companhia de Sintra Fio d"Azeite. marionetas do chão de oliva, "World Stars Show", pela Cemal Fatih Polat (Turquia), e o concerto "Miss E@sy, a Matraphonia Total", interpretado pela Companhia Marimbondo, da Lousã.

No sábado, 8 de outubro, sobe ao placo do Cine-Teatro de Alcobaça "The Box", encenado pela Cia. Argila Verde, o único espetáculo de festival com entradas pagas, ao preço de cinco euros.

A edição deste ano do festival, um dos mais antigos do país, conta com um orçamento de 40 mil euros, dos quais 20 mil são financiados pela Câmara Municipal de Alcobaça.


Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+