Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

Sporting

Bruno de Carvalho pede que lhe permitam recandidatar-se

28 jun, 2018 - 13:13

O presidente destituído do Sporting apela ao fim do processo disciplinar que lhe foi imposto nos últimos dias de mandato.

A+ / A-

Bruno de Carvalho recorreu, esta quinta-feira, ao Facebook, para pedir à direção interina do Sporting que lhe permita candidatar-se às eleições.

"O meu desejo é simples, que se acabe com este processo disciplinar e se permita aos Sportinguistas ouvirem todos os que quiserem falar e decidirem o futuro do Clube e SAD", escreve o presidente destituído, que já tinha assumido a vontade de se recandidatar à liderança de Alvalade.

Bruno alerta que "é muito importante não provocar mais fragmentações" no clube e apela a que se encare "cada lista com o respeito que merece, pois querer servir o Clube não é um 'crime' mas sim um ato de paixão".

"A demonstração que somos um Grande Clube em tudo é deixar todos, os que assim o quiserem, sem decisões de 'secretaria' contrárias, ir a eleições e ver o seu projecto ser aprovado ou reprovado por quem manda: os Associados. Somos um país livre e democrático e por isso deixemos a liberdade de candidatura e voto aos sportinguistas", assinala o ex-líder.

Bruno de Carvalho deixou o apelo no mesmo "post" em que assumiu diversos erros, especialmente de discurso, durante os dois mandatos. As eleições do Sporting realizam-se a 8 de setembro. Para já, há dois candidatos oficiais: Frederico Varandas e Fernando Tavares Pereira.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+