Tempo
|
A+ / A-

Dia da Imaculada Conceição

Santuário do Sameiro de Braga. Confraria convida crianças a descobrirem o “amor de Mãe”

08 dez, 2023 - 09:45 • Isabel Pacheco

A confraria de Nossa Senhora do Sameiro de Braga lança um guia para crianças. A apresentação do livro acontece no dia da Imaculada Conceição, dia de Festa na Arquidiocese e no país.

A+ / A-

Depois de um guia para adultos, agora é a vez dos mais pequenos terem uma edição especial sobre a Basílica de Nossa Senhora do Sameiro, em Braga.

“Mais bela só no céu – para ti que és criança” dá o título à obra que, como explica o presidente da confraria da Nossa Senhora do Sameiro, o cónego José Paulo Abreu, quer ser “semente de fé”.

“Assim preenchemos também uma lacuna que é a pequenada porque é de pequeninos que têm de ser atraídos para o alto Monte e para o amor da Mãe”, explica o responsável.

“É mais uma pedrinha que colocamos na devoção a Nossa Senhora perante este público mais pequenito”, resume.

Ao todo são 65 páginas assinadas pela ilustradora Patrícia Ferreira que, através de imagens, convidam a “fazer uma visita ao Sameiro”.

“Vais começar aqui. Para que é que isto serve? Quando é que foi feito? Sabias que está lá uma relíquia de João Paulo II? É, assim, para aprenderem devagarinho”, explica o cónego José Paulo Abreu que adianta que o livro termina com “uma série de brincadeiras e de jogos”. Depois, recebem “um certificado de competente no Sameiro , autoridade sobre o Sameiro”, brinca.

O guia é lançado no dia da Imaculada Conceição, dia de festa no Sameiro com o acolhimento de novos irmãos na confraria e de homenagem a várias coletividades. Entre eles, estão “ duas corporações de bombeiros, voluntários, o coro do Sameiro, os pegadores de andores, os profissionais de enfermagem e os escuteiros”, adianta.

“Estas coletividades vão ser eleitos como irmãos honorários e irão a oficialmente integrar esse grupo. É por especial generosidade, mecenato ou devoção que merecem esse estatuto”, sublinha o presidente da Confraria de Nossa Senhora do Sameiro.

Em Braga, a celebração do dia da Festa da Imaculada Conceição é presidida por D. Delfim Gomes, bispo auxiliar da arquidiocese de Braga.

Portugal com importância histórica na devoção à Imaculada Conceição

O dia da Imaculada Conceição, a 8 de dezembro, é um dia de festa na Basílica de Nossa Senhora do Sameiro, em Braga e para o país.

O também professor de História da Faculdade de Teologia da Universidade Católica, José Paulo Abreu recorda a importância histórica do país na devoção à Imaculada Conceição, padroeira de Portugal.

“Sabemos que a Imaculada Conceição de Vila Viçosa recebeu por desejo do rei a coroa e, a partir daí, nunca mais a nossa monarquia colocou a coroa na sua cabeça. Havendo celebrações, a coroa era pousada à esquerda do Rei numa almofada, porque a Rainha é a Nossa Senhora, a Imaculada Conceição”, recorda José Paulo Abreu.

“Quando o Papa Pio IX proclamou este dogma da Imaculada em 1854, já no nosso país, há séculos acreditava que, de facto, Nossa Senhora foi concebida sem mancha, sem pecado original”, adianta.

O dogma, acrescenta o presidente da confraria de Nossa Senhora do Sameiro, “foi, de facto, a consagração numa fórmula, aquela que já era a crença tida por séculos e por todos, a propósito da excelência da Mãe do céu”.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+