Tempo
|
A+ / A-

Angelus

Papa apela ao diálogo na região de Nagorno-Karabakh

01 out, 2023 - 12:30 • Liliana Monteiro , Diogo Camilo

No início de outubro, o mês do rosário e das missões, Francisco pediu que se reze pela martirizada Ucrânia e por todas as terras feridas pela guerra.

A+ / A-

O Papa Francisco mostrou este domingo preocupação com o conflito em curso na região arménia de Nagorno-Karabakh, onde o Azerbaijão aquilo que apelida de uma “operação antiterrorista” e que obrigou à deslocação de milhares de pessoas.

Durante a recitação do Angelus, Francisco deixou um “apelo ao diálogo”. “Que as partes, com a ajuda da comunidade internacional, cheguem a um acordo duradouro que ponha fim à crise humanitária”, disse.

Por ocasião do início do mês de outubro, “o mês do rosário e das missões”, o Papa exortou todos a rezarem o terço. “Rezemos pela paz na martirizada Ucrânia e em todas as terras feridas pela guerra”, disse.

Francisco falou ainda da diferença entre ser pecador e corrupto, lembrando que todos somos pecadores e, por isso, passíveis de redenção, mas que a corrupção mina e leva ao uso de uma máscara e a uma vida de cinismo.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+