Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

Legislativas 2024

Sondagem revela mais um empate técnico entre PS e AD

03 mar, 2024 - 10:10 • Ana Kotowicz , João Pedro Quesado

AD revela tendência de subida na sondagem da Aximage, mas PS ainda está à frente nas intenções de voto. Chega mantém-se terceira força política. Na Sondagem das Sondagens, o PS aproxima-se da AD.

A+ / A-


Clique aqui para explorar a Sondagem das Sondagens


A coligação liderada por Luís Montenegro está a subir, enquanto as intenções de voto no PS estabilizaram. Apesar disso, a mais recente sondagem da Aximage, para o JN, DN e TSF, revela um empate técnico entre a AD e o partido de Pedro Nuno Santos (que se mantém ligeiramente à frente), como tem vindo a acontecer com os resultados de outras casas de sondagens.

Quanto aos valores, e em relação à sondagem anterior da Aximage, a vantagem continua a ser do PS (mantém-se nos 33,1%), com a AD cada vez mais próxima dos socialistas (sobe de 27,7% para 29,6%) - mas, uma vez que a diferença está dentro da margem de erro (3,4 pontos percentuais), trata-se de um empate técnico.

O Chega mantém-se em terceiro lugar (subida de 16,4% para 16,7%), seguido pelo Bloco de Esquerda (sobe de 6,3% para 6,6%).

De resto, há uma subida significativa da CDU (2,3% para 4%) e uma queda da Iniciativa Liberal (de 4,9% para 3,9%). O PAN tem 2% da intenção de voto (tinha 3,3% na sondagem anterior) e o Livre cai de 2,8% para 1,7%.

A sondagem foi realizada 23 e 27 de fevereiro, depois de terminados os debates televisivos e já em período de campanha eleitoral.

PS aproxima-se na Sondagem das Sondagens

O bom resultado apurado pela Aximage beneficia o Partido Socialista, que ganha 0,6 pontos percentuais na estimativa do agregador de sondagens da Renascença.

Enquanto a AD perde 0,2 pontos e desce para 31,2%, o PS sobe para 28,3%. O empate técnico entre ambos fica a uma décima de distância.

Há tantos partidos a ganhar com esta sondagem como há partidos a perder. O maior perdedor é o Livre (2,8%), que vê a estimativa de votos descer 0,6 pontos - a sondagem contraria a tendência de crescimento e estabilização na casa dos 3% que está presente nos últimos estudos divulgados.

Entre os perdedores está também a IL (5,1%) e o Chega (17,7%).

Em sentido contrário, o BE sobe para 4,9%, a CDU recupera até aos 2,6%, e o PAN evolui para 1,4%.

Como se faz a Sondagem das Sondagens?
Como se faz a Sondagem das Sondagens?
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Jorge Santos
    05 mar, 2024 Porto 16:20
    Vou apoiar AD. Alternância democrática é preciso.
  • ze
    03 mar, 2024 aldeia 15:30
    Não conseguem descolar-se um do outro,porque practicamente são iguais estes pêésses

Destaques V+