Tempo
|
A+ / A-

Luís Montenegro felicita líder do PP espanhol por "expressiva vitória"

29 mai, 2023 - 02:18 • Lusa

Através do Twitter, o presidente do PSD escreve que “em Espanha, como em Portugal, é preciso substituir governos socialistas irresponsáveis por novas maiorias reformistas”.

A+ / A-

O presidente do PSD, Luís Montenegro, felicitou, no domingo, o líder do Partido Popular (PP) espanhol, Alberto Núñez Feijóo, pela "expressiva vitória" nas eleições autonómicas e municipais, numa publicação na rede social Twitter.

"Em Espanha, como em Portugal, é preciso substituir governos socialistas irresponsáveis por novas maiorias reformistas", acrescentou o líder social-democrata.

O Partido Popular (PP, direita) foi a força política mais votada globalmente nas eleições municipais de domingo, em Espanha, tendo conseguido uma maioria absoluta em Madrid e conquistado Sevilha e Valência à esquerda.

O PP venceu assim em três das quatro maiores cidades espanholas, com a exceção de Barcelona, onde se deu, por outro lado, uma das maiores surpresas destas eleições locais, com a vitória do Juntos Pela Catalunha (JxCat), o partido de direita independentista do ex-presidente do governo regional Carles Puigdemont.

O segundo partido mais votado em Barcelona foi o BComú (esquerda), da atual presidente da câmara, Ada Colau, e o terceiro o partido socialista, sendo que as sondagens das últimas semanas e as projeções feitas hoje davam um empate entre estas duas forças.

Globalmente, com mais de 97% dos votos contados, o PP foi o partido mais votado nas eleições municipais de hoje em Espanha, com 31,5% dos votos, seguido pelo PSOE, com 28,18%.

Os resultados refletem uma mudança em relação às eleições municipais anteriores, de 2019, em que o PSOE teve 29,38% dos votos e o PP conseguiu 22,62%.

Esta é também considerada a primeira vitória eleitoral do PP em Espanha desde 2015.

Os resultados confirmam também o avanço da extrema-direita, com o VOX a conseguir nas eleições locais de hoje 7,19% dos votos, depois de ter tido 3,56% em 2019.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+